“Os Experimentos em Animais ATRASAM o progresso da ciência”.

fevereiro 26, 2010

NAE – Calçados com a ética VEGAN












QUEM SOMOS
Somos um grupo de pessoas comuns que se preocupa com o meio ambiente, o sofrimento animal e a exploração laboral.

MOTIVAÇÃO
O que nos leva a fazer este projecto resume-se a uma frase de uma pessoa anónima, vegan e amante dos animais: “Agora que deixaste de comer animais, quando vais deixar de calçá-los?”.
Sob este pressuposto começamos este projecto de forma a contribuir para a diminuição da exploração animal existente hoje em dia.

Porquê calçar vegan? Motivos há tantos quantos animais há no planeta, mas na sociedade de consumo em que estamos inseridos, podemos resumir a preocupação já de muitos em poucas palavras: CONSUMO ÉTICO!

ESTRATÉGIA
No Animal Exploitation (NAE) propõe uma alternativa justa e amiga dos animais, contra a exploração humana e respeitadora do meio ambiente. Não são usados quaisquer produtos de origem animal. A NAE não fabrica calçado em fábricas com exploração humana.
Seria capaz de matar um animal para o comer?
Seria capaz de matar um animal para fazer uns sapatos?

Então? Porque deixa que outros façam o trabalho sujo?


                                                                            







FILOSOFIA NAE






'A não violência leva-nos à mais alta ética, que é a meta da evolução. Enquanto não pararmos de fazer sofrer outros seres vivos, seremos sempre selvagens'

Porquê calçado Vegan?
A resposta a esta pergunta pode ser deduzida por cada um de nós facilmente, sem nenhuma ajuda não sendo por isso necessário citar listas do género '10 boas razões para não usar pele', ou outra coisa do género.
O que de facto se torna necessário é fazer a pergunta ao contrário e usar aquilo que nos faz diferentes do resto dos animais, e isso não é com certeza o direito de matá-los ou maltratá-los. Nada disso! O que nos distingue deles não é um salto qualitativo que nos converte no centro da existência terrestre, mas sim a magnitude e o tipo de capacidades que nos convertem nos seres mais capazes de reflectir e com isso os mais capazes de reflectir moralmente.
Há muitos escritos desde a antiguidade até aos nossos tempos, desde Plutarco e Platão até Peter Singer e Ortega Gasset, passando por outros grandes pensadores, cientificos, artistas e filósofos como Leonardo da Vinci, Albert Einstein, Leon Tolstoi, Pitágoras, Frank Kafka, Immanuel Kant, Charles Darwin, Unamuno, Ghandi, Voltaire, etc.., que defendem a partir de diferentes frentes os direitos dos animais e acusam incessantemente a humanidade pelo crime que comete. Nós não podemos acrescentar absolutamente nada.

Razões para usar produtos livres de sofrimento animal são muitas, mas se queremos tentar convencer quem consome produtos de origem animal a deixar de o fazer, em vez de enumerar as centenas de argumentos, talvez o melhor seja recorrer à capacidade de raciocínio e colocar o problema ao contrário:
Porquê calçado de origem animal?
...
...
...
Então?
Bom, se não encontra nenhuma razão para que milhões de animais sejam mortos por ano para utilização da sua pele, para que espécies de animais estejam em extinção derivado da sua captura, para que a agonia seja a forma de morte de muitos deles, para que manipulem genéticamente algumas raças para fins tão mesquinhos como seja a textura ou cor da pele, para a geração massiva de residuos orgânicos procedentes da criação de animais em quintas.... em definitivo, se acredita que ter uns sapatos de pele não justifica todo este sofrimento animal, já tem todas as razões necessárias para utilizar calçado ético, calçado vegan.



NAE

1 comentário:

  1. Gosto muito dos artigos de ótima qualidade do seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver nosso Curso de Analista de Suporte. Melissa.

    ResponderEliminar